ARTIGOS

Os 10 pontos de equilíbrio para uma Liderança perene

No seio da Liderança, é comum nos dias de hoje ver pessoas com crise de ansiedade.

Via de regra, ela vem sempre acompanhada de dois fatores básicos: a responsabilidade e a expectativa.

Quando a responsabilidade se mostra aparentemente maiores que nós, incita o ciclo da ansiedade.

As expectativas que geramos por nós, a respeito dos outros, e pelos outros a nosso respeito deflagram também a crise da ansiedade no mundo corporativo.

Tanto responsabilidades como expectativa podem produzir um líder que nunca descansa, não dorme e jamais se alegra. Portanto, é importante colocar alguns pontos de atenção para impedir este cenário:


1 - Distinguir problemas de conflitos.

Problemas estão geralmente ligados à dinâmica dos processos ou deficiências na estrutura, portanto devemos ser rápidos na intervenção.
Conflitos são crises nos relacionamentos, e dentro deste cenário é sempre importante passarmos por situações como insatisfação, inconformismo, respeito, tolerância e finamente conciliação, assumindo um papel pacifico e moderador.


2 - Tenha como verdade: investir em pessoas é sempre algo a longo prazo.

Nunca a espere mudanças a partir de uma única conversa: o crescimento é gradual e requer investimento.


3 - Lideres desagradam muita gente.

Tenha em mente que os outros podem não gostar do seu modus operandi , crença e estilo; contudo, não queira ser o legal com todos que trabalha. A discordância é algo fundamental na liderança.


4 - Relacione-se com os membros da equipe conforme seu perfil e habilidade.

Nunca compare características de um colaborador com outro: tratar de forma personalizada diferencia um líder de um chefe.


5 - Tenha em foco qual é realmente sua missão na empresa.

O papel do Líder dentro da organização é sempre ser facilitador para que todos possam entregar o máximo dentro do potencial de cada um.


6 - Tenha em foco qual é realmente sua missão frente às pessoas.

A missão do líder é sempre de investimento, se seus comandados são os mesmos após um ano de gestão, requer de você reflexão.


7 - Há sempre alguém precisando da sua ajuda, disponibilize tempo para ele.

Invista naquele que requer auxílio e crie oportunidades de fortalecimento e terá um aliado.


8 - Atente seu radar para novos lideres.

São sempre os simples e solucionadores de problemas, são conhecidos como disponível, tem caráter integro e naturalmente exerce influencia no grupo.


9 - Equipe forte funciona sem você.

Uma equipe madura não necessita de um líder todo tempo, cave situações e veja o que acontece.


10 - Mostre resiliência do custo benéfico entre os colaboradores e Empresa.

Existem situações que é necessário deixar que a empresa sofra em função do crescimento das pessoas, porém não permita prejuízos, pois é ela que nos abriga.


Ricardo Ivo Mendes de Carvalho Junior - 19/03/2013